Barreiros terá shopping com 100 lojas

Prefeito de Barreiros, Carlos Avelar, e o empresário Tedd Albuquerque. Foto: Prefeitura dos Barreiros

Investimento é do empresário Tedd Albuquerque, que pretende construir em tempo recorde o “Como Assim?! Shopping

Paulo Rocha – Já se falava há algum tempo sobre a possibilidade da construção de um shopping em Barreiros. Agora foi confirmada a notícia: o empresário barreirense Tedd Albuquerque, radicado em São Paulo, é quem irá levar o empreendimento adiante, denominado Como Assim?! Shopping.
O Como Assim?! é a marca registrada de Tedd Alquerque, que inovou o segmento de shoppings populares na capital paulista e agora vem a Barreiros com um projeto totalmente inovador, garantindo que será o primeiro shopping auto sustentável do Brasil, com o uso de energia solar e reaproveitamento da água.
O anúncio, feito dia 13 de outubro, pegou de surpresa muitos barreirenses, mas animou a maioria, principalmente pelos prazos apresentados pelo empresário. Já com todo o projeto pronto, Tedd Albuquerque diz que as obras iniciarão no início de 2016, na entrada da cidade, sendo inaugurado em 2017, um prazo recorde possibilitado pelo uso de pré-moldados em sua estrutura. A animação contagia trabalhadores que vêem uma oportunidade de emprego quase imediata, durante a construção do empreendimento, e empresários, que terão uma visibilidade regional quando as 100 lojas estiveram comercializadas, fato que deve acontecer no final deste ano de 2015. Quando pronto, deve gerar, segundo as expectativas de Tedd, cerca de 1.800 empregos diretos e indiretos.
Além das lojas, o projeto do shopping prevê cinema, parque de exposição e jardins.
O Como Assim?! Shopping tem um investimento de 30 milhões, boa parte movimentando a tão necessitada economia de Barreiros, e deve recolocar Barreiros na situação de pólo comercial do Litoral Sul.

Rota dos Manguezais
Os planos empresariais de Tedd Albuquerque no Litoral Sul não ficam por aí. Depois do Shopping, já está esboçado um projeto maior, que deve se estender de Barreiros até Várzea do Una, incluindo bairro planejado, hotéis e piers, provavelmente na extensão do Rio Una, uma atração turística e ambiental até agora não utilizada. O projeto tem o apropriado nome de “Rota dos Manguezais”.
O empresário deu as informações em primeira mão à Radio Litoral FM, de Barreiros.

Crise no interior: Prefeito de Barreiros abre mão de salário

Prefeito de Barreiros, Carlos Avelar, popular Carlinhos

Decreto reduz despesas, proíbe contratação de bandas e artistas, suspende obras municipais e prevê redução de secretarias

Considerando a crise financeira que assola o País, o prefeito Carlinhos, de Barreiros, através de decreto, tomou algumas medidas provisórias para tentar amenizar os impactos negativos da crise.
Entre as medidas tomadas, que devem durar no mínimo três meses, renováveis por mais três, Carlinhos e o vice Leo abriram mão de seus vencimentos, ficando acordado também a redução de 20% do salário dos secretários municipais. Carlinhos determinou ainda uma redução de gastos das secretarias, com a supressão de 30% dos contratos temporários, percentual que chega a 50% na secretaria de Obras.
O decreto é retroativo a 1 de outubro e ainda prevê outros cortes, como a proibição de contratos com quaisquer bandas ou atrações artísticas para eventos municipais, limitação de viagens intermunicipais a um veículo por dia, redução de gastos como telefonia, energia elétrica, propaganda institucionais e outras.
Também as obras na cidade estão suspensas, com exceção de reparos emergenciais e obras com financiamento federal ou estadual. Está oprevista ainda uma reforma administrativa, com a redução de secretarias, por meio de fusão, reforma esta que será enviada para a Câmara de Vereadores até o início de novembro.

VEJA O DECRETO COMPLETO CLICANDO AQUI

Festa de São Miguel em Barreiros encerra sem Padre Gusmão

Padroeiro de Barreiros foi lembrado sem a presença de Padre Gusmão, que teve um AVC e estava hospitalizado

Para encerrar as comemorações ao padroeiro da nossa cidade, São Miguel Arcanjo, houve dia 29 de setembro celebração campal da Santa Missa e logo após a procissão, que saiu da Igreja Matriz de São Miguel em direção a Igreja de Nossa Senhora do Rosário, percorrendo as principais ruas da cidade.
A celebração foi realizada sem a participação de Padre Gusmão, que  sofreu um AVC e estava internado desde sábado, dia 24, segundo a assessoria de Comunicação da Paróquia São Miguel.

IFPE Barreiros divulga nota sobre segurança no campus

Com a agravamento da violência em Barreiros e casos sucessivos de furtos, roubos e assaltos na área do IFPE/Campus Barreiros, inclusive com um recente incêndio criminoso num dos banheiros da instituição, nesta quinta-feira, 21 de Maio de 2015, a direção emitiu uma nota oficial sobre o assunto e as medidas que poderão ser tomadas. Entre elas, a instalação de câmeras de monitoramente, reforço policial e até a possibilidade de escolta armada para professores e alunos em trechos mais perigosos.

Leia na íntegra a nota informativa sobre segurança no IFPE-Campus Barreiros:
“Prezados colegas servidores, estudantes, pais e comunidade em geral,
Diante das recentes ocorrências, em nosso campus, de presença de pessoas estranhas à comunidade local circulando em áreas incomuns ao trânsito de pedestres, e de abordagens, roubos, furtos e tentativas desses atos a estudantes, servidores e moradores, gerando insegurança a todas as pessoas, vimos comunicar o que se segue:
1. O IFPE-Campus Barreiros possui 400 hectares de área e um perímetro de 8 km, fazendo divisa com a zona rural do município e com vários bairros – entre eles, alguns reconhecidamente violentos, sendo a região do entorno e a própria área do campus cortada por diversas vias de acesso público, de trânsito livre, uma delas, inclusive, recentemente asfaltada;
2. O IFPE-Campus Barreiros possui uma extensa área de Reserva Legal (mata densa) que supostamente poderá estar sendo usada como esconderijo e apoio para pessoas envolvidas com o crime e tráfico de drogas, por ter visão privilegiada dos arredores, uma vez que essas abordagens e roubos de armas dos vigilantes da empresa terceirizada para prestação de serviços de segurança ocorreram nos horários das trocas de turno da vigilância;
3. Há, atualmente, um total de 22 vigilantes, sendo quatro motorizados, dois com exercício durante o dia e dois à noite, que circulam nos locais de maior movimentação de estudantes e servidores, e postos fixos em pontos críticos do campus, como Parque Zootécnico e Setor de Horticultura;
4. São objeto do contrato dos serviços de vigilância salvaguardar o patrimônio da instituição e manter a segurança das pessoas que nela circulam, estudam e trabalham, sendo da Polícia Militar a atribuição de ações ostensivas de combate ao crime;
5. A Polícia Militar se faz presente com viaturas, fazendo rondas periódicas no campus e, a despeito dessas ações, as abordagens, roubos, furtos e tentativas desses atos estão crescentes, sendo os casos notificados através de Boletins de Ocorrência às autoridades competentes;
6. Alterações e adequações nas ações de vigilância foram implementadas, a exemplo do sugerido pela Professora de Avicultura (a escolta armada para professores e alunos no trajeto ao setor de Zootecnia I e II), e outras poderão ser adotadas para otimizar os serviços de segurança. Para essas incrementações, solicitamos sugestões das pessoas da comunidade escolar;
7. Está em trâmite na Reitoria do IFPE um Processo de contratação de sistema de monitoramento por câmeras (CFTV). Solicitamos à Reitoria priorizar esse trâmite, visto que esse recurso será de grande valia para nosso sistema de vigilância;
8. Solicitamos junto à Reitoria o agendamento de audiência com o Secretário de Defesa Social do Estado para dar ciência da situação e solicitar, em caráter de urgência, reforço de policiamento ostensivo no município e especificamente no campus;
Num contexto de potencial agravamento da violência em nosso município, sugerimos aos educadores desta casa que, articulados com as comissões local e sistêmica da Cultura pela Paz, participem de discussões com os estudantes e incentivem os mesmos à reflexão sobre as causas da criminalidade, do uso e tráfico de drogas e as consequências dessas ações para toda a comunidade. Essas discussões e reflexões certamente contribuirão para que nossa comunidade seja multiplicadora de uma cultura de paz.
Comunicamos, por fim, que encaminhamos Ofícios Nº 071/2015-DGCB e Nº 072/2015-DGCB, respectivamente, à Polícia Militar no município, solicitando intensificar as rondas neste campus, e, à Polícia Federal, comunicando os fatos e solicitando atendimento à nossa necessidade premente de ações do âmbito daquela corporação, de contenção à violência no nosso município e no nosso campus.
JORGE NASCIMENTO DE CARVALHO – DIRETOR GERAL”